Mensagem do dia – Nao há do que se queixar.

Desperte a alegria e a saúde.

Durante este dia, sinta a alegria penetrando no seu corpo todo.
Veja-se com o máximo de saúde que alguém pode ter.

Tudo em você funciona como uma máquina
fenomenal, em perfeitas condições.

Nada de atrapalho, doença, infelicidade.

Não há do que se queixar.

Agradeça a Deus por isto.
Ande em paz e deixe o amor penetrar em você.

A alegria e a saúde perfeitas
realimentam-se no amor desinteressado.
Lourival Lopes

BOM DIA/31/01

Muitos são professores, poucos são Mestres. Os professores ensinam por palavras em Templos, com os Mestres aprendemos por ações e exemplos.

MEIRE MICHELIN

IMITANDO O MESTRE

Um discípulo que amava e admirava o mestre, resolveu observá-lo em todos os detalhes, acreditando que ao fazer o que ele fazia, iria também adquirir a sua sabedoria.
O mestre só usava roupas brancas, e o discípulo passou a vestir-se da mesma maneira.
O mestre era vegetariano, e o discípulo deixou de comer qualquer tipo de carne, substituindo sua alimentação por ervas. O mestre era um homem austero, e o discípulo resolveu  dedicar-se ao sacrifício, passando a dormir numa cama de palha.
Passado algum tempo, o mestre notou a mudança de comportamento de seu discípulo, e foi ver o que estava acontecendo.
– Estou subindo os degraus da iniciação – foi à resposta
– O branco de minha roupa mostra a simplicidade da busca, limentação vegetariana purifica o meu corpo, e a falta de conforto faz com que eu pense apenas nas coisas espirituais.
Sorrindo, o mestre o levou até um campo onde um cavalo pastava.
– Você passou este tempo olhando apenas para fora, quando isso é o que menos importa – disse. Está vendo aquele animal ali? Ele tem a pele branca, come apenas ervas, e dorme num celeiro com palha no chão. Você acha que ele tem cara de santo, ou chegará algum dia a ser um verdadeiro mestre?

Publicado em Reflexão. 2 Comments »

Bom dia

Senhor, derrama as tuas bênçãos sobre nós,
mas derrame como chuva, que não escolhe nem lugar, nem pessoa,
nem faz distinção entre pobres e ricos,
nem rua, nem casa ou hospital,
asilo ou penitenciária, a chuva se espalha por todos os
cantos,
frestas e vãos, e lava com ares de renovação.
Que assim sejam as tuas bênçãos, que se espalhem neste dia,
pelos povos, por todos os corações,
sem condições e nem merecimento, que excluiria muita gente,
apenas por misericórdia, para todos que neste dia invocarem o
Teu nome,
em oração, simples ou composta, em pé ou de joelhos.
Pelos que choram ou por aqueles que nem tem mais lágrimas
para chorar,
sustenta a vida Senhor, acolhe os que partem, abençoa os que
chegam,
encoraja os que desistiram, ama os que só querem vingança,
alimenta os famintos da alma,
dá de beber na Tua fonte aos sedentos de justiça,
saúde aos doentes, paz de espírito aos aflitos,
alegria aos que se recolheram na tristeza,
Luz, Tua luz aos que estão em becos escuros,
força para os que querem sair dos vícios,
e perdão para todos nós que tanto erramos,
que tanto devemos, mas por Teu infinito amor derrama as Tuas
bênçãos Senhor.

Agradeço ao Senhor dos senhores por mais um ano de vida.

Obrigada, Senhor, por minha vida!
Giani

Residente de todos os corações.

Quando você Me ama, ama todos,
pois começa a sentir, saber e experimentar que Eu estou em todos.
Por meio da meditação, você pode compreender que
Eu sou o residente em todos os corações:
o desejo, o motivo, o guia e a meta.
Anseie por essa visão, por essa consciência,
e faça dela sua posse inestimável.
Então, você obtém aquilo que freqüentemente Me pede:
a visão direta da Realidade.
Seu amor precisa ser puro, e livre da
contaminação do ego, para que você possa se fundir em Mim.

CONVITE AO AMOR

Um novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros.” (João: 13-34.)

O amor é o estágio mais elevado do sentimento.

O homem somente atinge a plenitude quando ama. Enquanto anseia e busca ser amado, foge à responsabilidade de amar e padece infância emocional.

No contexto social da atualidade hodierna, todavia, a expressão amor sofre a desvalorização do seu significado para experimentar a decomposição do tormento sexual, que não passa de instinto em desgoverno.

Sem dúvida, o sexo amparado pelo amor caracteriza a superioridade do ser, facultando-lhe harmonia íntima e perfeito intercâmbio de vibrações e hormônios a benefício da existência.

Sexo sem amor, porém, representa regressão da inteligência às formas primeiras do desejo infrene, com o comprometimento das aspirações elevadas em detrimento de si mesmo e dos outros.

Por essa razão, vige em todos os departamentos do Cosmo a mensagem do amor.

Na perfeita identificação das almas o amor produz a bênção da felicidade em regime de paz.

Nem sempre, porém, se encontrará no ser amado a recíproca. Importa, o que é essencial, amar, sem solicitação.

De todos os construtores do pensamento universal, o amor recebeu a contribuição valiosa de urgência. Isto, porque Deus, Nosso Pai, é a mais alta manifestação de amor.

E Jesus, padronizando as necessidades humanas quanto solucionando-as, sintetizou-as no amor, como única diretriz segura por meio da qual se pode lograr a meta que todos perseguimos nas sucessivas existências.

Se, todavia, sentes aridez íntima e sombras carregadas de desencantos obnubilam as tuas aspirações, inicia o exercício do amor, entre os que sofrem, através da gentileza, passando do estágio da amizade. Descobrirás, depois, a realidade do amor em blandícia de tranqüilidade no país do teu espírito.

Se por acaso o céu dos teus sorrisos está com as estrelas da alegria apagadas, ama, assim mesmo, e clarificarás outros corações que jazem em noites mais sombrias, percebendo que todo aquele que irradia luz e calor, aquece-se e ilumina-se, permanecendo feliz em qualquer circunstância.

Haja, pois, o que haja, ama.

Em plena cruz, não obstante o desprezo e a traição, o azorrague e a dor total, Jesus prosseguiu amando e até hoje, fiel ao postulado que elaborou como base do Seu ministério, continua amando-nos sem cansaço.

Joanna de Ângelis / Divaldo P. Franco

Ouça o Aflito

Somos irmãos.
Somos feitos da mesma matéria.
Temos uma centelha de luz.
Precisamos aprender:
à custa de qualquer sacrifício devemos estar
preparados para ouvir e ajudar o aflito.
Na face da terra ninguém vive só.

Muias vezes, ao ouvirmos o que está
aflingindo o nosso semelhante,
somos de pronto iluminados
com a luz de uma palavra, com um gesto,
achando a resolução para libertá-lo
da aflição

Lázara Veiga Catellani